Home » Articles posted by Paula Lopes

Author Archives: Paula Lopes

Núcleo Universitário de Castanhal promove o I Encontro das Odivelidades

De 29 de junho a 1º de julho o Núcleo Universitário de São Caetano de Odivelas promove o I Encontro das Odivelidades com o tema “A Semana de Arte Moderna e a Formação da Identidade Amazônica”, visando promover o diálogo e o reconhecimento da multiplicidade cultural e cientifica dos povos e comunidades que formam a Amazônia.  O tema faz uma alusão ao centenário da Semana de Arte Moderna, que trouxe novos rumos para as criações artístico-literárias do país.

A programação conta com atividades acadêmicas e culturais  ao longo dos 3 dias do evento. A conferência de abertura será ministrada pela Profa. Dra. Sylvia M. Trusen, Vice-Diretora da Faculdade de Letras e Docente Permanente do PPG em Estudos Antrópicos na Amazônia. As oficinas serão ministradas por Docentes da UFPA e de outras Instituições, além de parceiros convidados.

Para mais informações, acesse o instagram @nusc.sanca e veja a programação completa do evento.

Inscrições, clique aqui.

Serviço:
I Encontro das Odivelidades
Data: 29 de junho a 1º de julho de 2022
Local: Núcleo Universitário de São Caetano de Odivelas.

Texto: Luís Otávio da Silva – Ascom UFPA/Castanhal
Arte: NUSC – Núcleo Universitário de São Caetano de Odivelas

 

 

 

 

 

UFPA participa de sessão especial na Câmara Municipal

A UFPA possui assento no Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa do Município de Castanhal, sendo representada pelas professoras Eula Regina Nascimento e Ildete Falcão.

Nesta quarta, 15 de junho, das 9 às 12h, as professoras estarão na Sessão Especial na Câmara Municipal para debater o ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA CONTRA A PESSOA IDOSA, conjuntamente com inúmeros parceiros históricos na luta por garantia de direitos.

O objetivo é discutir e enfrentar coletivamente a questão da violência contra a pessoa idosa que vem aumentando gradativamente nos espaços privados e públicos.

O evento é aberto à sociedade e todos estão convidados para os debates.

Para mais informações sobre a temática, clique aqui.

Texto e imagem: Divulgação

Docente do PPGEAA participa de comissão de evento antirracista. Prazo para propostas de atividades está aberto até 15 de junho.

A Cátedra UNESCO em Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina convida a comunidade acadêmica a apresentar propostas para a 3ª Campanha pela Erradicação do Racismo no Ensino Superior, mediante atividades que promovam reflexões, debates e ações que visem a contribuir para a erradicação das múltiplas formas de racismo que ainda persistem nas políticas, sistemas e instituições de Ensino Superior da América Latina.

A chamada é destinada a propostas de atividades presenciais e/ou na Internet e/ou redes sociais a serem colocadas em prática por estudantes, professores, pesquisadores e demais trabalhadores de Instituições de Ensino Superior da América Latina. O prazo para apresentação de propostas vai até 15 de junho de 2022, pelo e-mail: educacionsuperiorcontraelracismo@untref.edu.ar.

Cátedra UNESCO – a Cátedra UNESCO “Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina” foi criada em 2018, pelo Programa de Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina (Programa ESIAL) do Centro Interdisciplinar de Estudos Avançados (CIEA), da Universidade Nacional de Três de Febrero (UNTREF), de Buenos Aires (Argentina). Tem por objetivo realizar pesquisas e divulgar seus resultados, oferecer oportunidades de capacitação a pesquisadores, professores e gestores, desenvolver campanhas de educação e comunicação pública e formular e promover propostas de políticas e transformações institucionais, no campo da Educação Superior e Povos Indígenas e Afrodescendentes na América Latina.

O Programa ESIAL foi criado em 2012 a partir da experiência desenvolvida entre 2007 e 2011 pelo “Projeto de Diversidade Cultural e Interculturalidade na Educação Superior”, do Instituto Internacional de Educação Superior da UNESCO na América Latina e Caribe (UNESCO-IESALC), sendo desde a origem dirigido pelo Prof. Dr. Daniel Mato, quem é hoje o Diretor da Cátedra. Com a colaboração de 67 pesquisadores de 11 países da região, o projeto UNESCO-IESALC realizou quatro investigações de âmbito latino-americano, que deram origem à publicação de quatro livros. O primeiro deles alimentou as deliberações sobre o tema na 2ª Conferência Regional de Educação Superior (CRES), realizada em Cartagena das Índias em 2008.

Dentre os pesquisadores participantes do Programa ESIAL está o Prof. Dr. José Guilherme dos Santos Fernandes, vice-coordenador, docente e pesquisador do PPG em Estudos Antrópicos na Amazônia (PPGEAA), do Campus de Castanhal, o único pesquisador da UFPA participante da Rede ESIAL e que está na Comissão Avaliadora das propostas que serão apresentadas na 3ª Campanha. A importância da participação de pesquisador e docente do PPGEAA em rede de pesquisadores internacionais está na proporção da necessidade de internacionalização da pós-graduação, no que se refere à participação em centros de pesquisa estrangeiros, sendo esta condição importante para a avaliação do PPGEAA pela CAPES. Além disso, as redes de pesquisas fortalecem a qualidade da produção e o reconhecimento pelos pares desta produção.

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE A 3ª CAMPANHA:

Iniciativa para la Erradicación del Racismo en la Educación Superior (untref.edu.ar).
educacionsuperiorcontraelracismo@untref.edu.ar

Texto: Divulgação – PPGEAA (Programa de Pós-Graduação em Estudos Antrópicos na Amazônia)

 

 

Pré-inscrições abertas para cursos do Parfor a serem ofertados pela UFPA em 2022

Iniciam, nesta quarta-feira, 1o de junho, as pré-inscrições para cursos do Programa Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A Universidade Federal do Pará teve a pré-aprovação de 17 turmas com 680 vagas para oferta em 2022, distribuídas em sete cursos, com sede em 13 municípios paraenses. Os cursos são direcionados a professores no exercício da docência na rede pública de educação básica, atuando na área do curso de interesse.

As pré-inscrições vão até as 18h do dia 8 de julho, por meio da Plataforma Capes de Educação Básica. O professor interessado também deve cadastrar/atualizar seu currículo na plataforma, até as 18h do dia 15 de junho.

A UFPA pré-aprovou a oferta, ao todo, de 17 turmas, com 40 vagas cada, nos cursos a seguir: Letras Libras, em Pacajá e Jacundá; Matemática, em Maracanã e Gurupá; Pedagogia, em Porto de Moz, Viseu, Gurupá e Marapanim; Educação Física, em Santarém e Santa Maria do Pará; Artes Visuais, em Baião, Santarém, Castanhal e Breves; Letras Espanhol, em Castanhal; e Letras Português, em Maracanã e Viseu.

Depois desta fase de pré-inscrição, feita pelo próprio candidato ao curso, haverá a fase de homologação das inscrições, de 11 de julho a 12 de agosto, que será realizada pelas Secretarias de Educação dos municípios, confirmando a atuação dos professores candidatos aos cursos.

Para o professor Márcio Nascimento, coordenador institucional do Parfor na UFPA, é muito importante que os professores em exercício na educação básica fiquem atentos aos prazos: “Os cursos propostos pela UFPA nesta edição do Parfor novamente consideraram o perfil da educação básica nos municípios paraenses, de modo a atenderem demandas reais por formação de professores. Neste momento, para que as turmas sejam aprovadas para oferta, é fundamental que os professores confirmem essa demanda por meio da pré-inscrição. É muito bom dizer que ‘o Novo Parfor 2022 está on’”.

Próximas etapas – No dia 17 de agosto, está prevista a divulgação do resultado preliminar das turmas de 2022 e, em 1o de setembro, o resultado final dos cursos aprovados. A seleção e a matrícula dos professores pela Universidade devem ocorrer no período de 2 a 30 de setembro. A previsão é que as atividades dos cursos iniciem em outubro de 2022, com aulas inaugurais e orientação acadêmica, e finalizem em dezembro de 2026. As turmas do Parfor ocorrem nos períodos de recesso e de férias dos professores da educação básica (períodos letivos 1 e 3 da UFPA).

Em todo o Brasil, o Parfor 2022 deve ofertar 6 mil vagas este ano e mais 6 mil, em 2023, sendo 3.200 na Região Norte nestes dois anos. Desde sua criação em 2009, o Parfor já formou cerca de 60 mil professores de 3.300 municípios. Mais de 100 Instituições de Ensino Superior participam do programa e já ofertaram mais de 3 mil turmas. Para mais detalhes do processo em 2022, acesse o Edital 008/2022. Outras informações, na página do Parfor.

Serviço

Pré-inscrições para cursos do Parfor 2022: de 1o de junho até as 18h do dia 8 de julho, por meio da Plataforma Capes de Educação Básica.

Cadastro/atualização do currículo: até as 18h do dia 15 de junho, na Plataforma Capes de Educação Básica.

Homologação das pré-inscrições pelas Secretarias Municipais de Educação: de 11 de julho às 18h do dia 12 de agosto.

Resultado preliminar das turmas aprovadas: 17 de agosto.

Seleção e matrícula dos professores pela UFPA: de 2 a 30 de setembro.

Previsão de início dos cursos: outubro de 2022.

Texto e arte: Assessoria de Comunicação Institucional da UFPA

Livro sobre Modelagem Matemática organizado por professora da Faculdade de Matemática da UFPA/Castanhal será lançado no dia 09

O Grupo de Estudos em Modelagem Matemática (GEMM), vinculado ao Programa de Pós- Graduação em Educação em Ciências e Matemáticas do Instituto de Educação Matemática e Científica – IEMCI, realizará, no dia 09 de junho, às 19h, presencialmente e com transmissão ao vivo pelo Youtube, o lançamento do livro intitulado Modelagem Matemática: Re/Construção de Perspectivas.

A publicação é fruto de pesquisas e atividades desenvolvidas pelos membros do Grupo, com a contribuição de professores do ensino superior, professores da rede básica de ensino, estudantes de graduação e de pós-graduação.

A obra foi organizada pelas professoras Roberta Modesto Braga (UFPA- Campus- Castanhal e líder do GEMM), Elizabeth Gomes Souza (Vice-líder- UFPA- Campus Belém) e pelo docente Adilson Oliveira do Espírito Santo (Professor Aposentado e fundador do GEMM).

Objetivo – A intenção dessa produção coletiva é oferecer, aos docentes e discentes que ensinam e estudam Matemática, propostas efetivas de atividades de Modelagem Matemática que podem ser desenvolvidas em salas de aula, tendo em vista que a Modelagem Matemática na Educação Matemática pode ser entendida como um campo de pesquisa e como metodologia de ensino que aborda temas do dia a dia dos estudantes para a compreensão da Matemática e de suas relações com a sociedade.

Sobre o GEMM –

Iniciando seus trabalhos em 2004 e comemorando, em 2022, seus 18 anos, o Grupo de Estudos em Modelagem Matemática foi criado no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática (PPGCEM-IEMCI), pela coordenação do Prof. Dr. Adilson Oliveira do Espírito Santo e pela participação de discentes do referido Programa. No decorrer do tempo, houve inserção de novos integrantes ao grupo, passando a integrá-lo, além de estudantes de pós-graduação, professores da rede básica, docentes de diversos campi da UFPA e de outras instituições de ensino superior (UEPA, UFOPA, UFMA, UNIFAP), configurando-se como um Grupo de Pesquisa Interinstitucional.

Serviço:

Lançamento do Livro “Modelagem Matemática: Re/ Construção de Perspectivas”

Local: Instituto de Educação Matemática e Científica-  IEMCI-UFPA.

Data: 09.06.2022

Horário: 19h

Link para transmissão ao vivo no YouTube: clique aqui.

 

Texto e Arte: Divulgação GEMM

Livro que homenageia pesquisadora de Portugal será lançado este mês e conta com capítulos escritos por docentes da Faculdade de Letras

No próximo dia 09 de junho, às 12h no horário de Brasília (16h no fuso horário de Lisboa), ocorrerá o lançamento online do livro intitulado “Percursos DE Educação Linguística: uma homenagem a Maria Helena Ançã”, que – como o título sugere – é uma homenagem à Dra. Maria Helena Ançã, professora aposentada da Universidade de Aveiro (UA), em Portugal e que tem ampla produção na área da Didática do Português. A obra é fruto dos estudos de Pós-Doutorado da Profa. Maria do Socorro Pessoa (UNIR), que atualmente pesquisa sobre o Ensino do Português como Língua Não Materna.

O livro possui dois capítulos que foram produzidos por docentes da Faculdade de Letras da UFPA Castanhal. O capítulo intitulado “A comunidade japonesa e sua trajetória na construção da diversidade linguística e cultura do Pará” foi escrito pela Profa. MsC. Inéia Damasceno Abreu, que também é orientanda da homenageada e o outro, chamado “Aprender brincando: o ensino da acentuação por meio de Jogos Didáticos”, foi produzido pela profa. Dra. Zilda Laura Paiva.

A professora Inéia Abreu fala sobre a importância das pesquisas e estudos em Diversidade Linguística. “Embora toda essa diversidade seja visível, o reconhecimento da importância dessas línguas e culturas para a construção da nossa identidade linguístico-cultural ainda está em processo de amadurecimento. Por isso a importância de pesquisas e estudos a respeito dessa diversidade no Brasil. Pesquisas nessa linha contribuem não só para o (re)conhecimento da importância da Língua Portuguesa, mas também para o combate ao preconceito linguístico e para a valorização e difusão do idioma, seja como língua materna ou como língua não-materna,” conclui.

Para participar do lançamento online da obra, clique aqui.

Serviço:
Lançamento do livro “Percursos DE Educação Linguística: uma homenagem a Maria Helena Ançã”
Data: 09/06/2022
Horário: 20h (Horário de Brasília) / 16h (Horário de Lisboa)
Link do evento: clique aqui.

Texto e arte: Luís Otávio da Silva – Ascom UFPA/Castanhal

Hospital Veterinário vai realizar processo eleitoral para cargos de direção

Neste semestre será realizada a eleição para os gestores do Hospital Veterinário (HV), que ocuparão o cargo de Diretor Geral e Diretor Adjunto, durante o biênio 2022/2024.

Chapas – Neste primeiro momento do processo eleitoral, estão abertas as inscrições de chapas, que devem ser realizadas até o dia 03 de junho, na secretaria do HV.

Podem se candidatar aos cargos de Diretor(a) Geral e Diretor(a) Adjunto, os médicos veterinários lotados no Campus de Castanhal e atuantes no Hospital. A chapa deverá ser composta sempre por um servidor do quadro de técnicos e um do quadro docente, independente da ordem.

Eleitores – De acordo com o Regimento Eleitoral, a eleição será realizada em reunião extraordinária do Conselho Diretor do HV, convocada com pelo menos 24 horas de antecedência. Poderão votar os membros do Conselho Diretor; servidores do quadro permanente e professores substitutos da UFPA, atuantes no HV; médicos veterinários residentes, devidamente matriculados, que tenham atividades no HV.

Serviço:

Inscrição de Chapas para a eleição da Direção do Hospital Veterinário

Ficha de Inscrição

Período: até as 16h do dia 03/06/2022

Local: secretaria do HV

Mais informações: leia o Regimento Eleitoral

 

Texto: Paula Lopes – Ascom UFPA/Castanhal

Arte: Ana Lima – Ascom UFPA/Castanhal

UFPA emite nota sobre o bloqueio no orçamento das universidades federais

A educação e a ciência brasileiras, severamente atingidas nos últimos anos por cortes orçamentários e discursos obscurantistas e retrógrados, sofreram, nesta sexta-feira, 27/05, mais um duro golpe, com o bloqueio de verbas orçamentárias destinadas ao funcionamento das instituições de ensino e pesquisa. Nas Universidades Públicas Federais, foram bloqueados 14,54% dos recursos de custeio. Na Universidade Federal do Pará (UFPA), isso equivaleria à perda de R$ 28 milhões de um orçamento que já é R$ 10 milhões menor do que o de 2019, contra uma inflação de 18,89% no período. Uma condição de financiamento que já era crítica torna-se, neste momento, absolutamente insustentável.

Ao contingenciamento nos orçamentos das Universidades soma-se o bloqueio de cerca de R$ 3 bilhões das verbas destinadas à ciência, incluindo recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) que, por lei, devem ser aplicados exclusivamente no financiamento da pesquisa científica e tecnológica no país. São esses recursos que movimentam os laboratórios das universidades, no esforço para produzir o conhecimento de que o país precisa, para promover o desenvolvimento social e econômico, para garantir a sua soberania.

Nos últimos anos, a Universidade Federal do Pará tem gerenciado as restrições orçamentárias buscando parcerias e priorizando a manutenção de suas atividades de ensino, pesquisa e extensão, além da assistência estudantil. Isso é o que tem garantido os avanços conquistados em áreas estratégicas e possibilitado a permanência do corpo discente mais vulnerável. As medidas anunciadas comprometem todas as atividades de uma universidade do porte e da importância da UFPA, e merecem o nosso mais veemente repúdio. É indispensável que sejam suspensas e que os orçamentos das instituições públicas de ensino e pesquisa sejam recompostos.

A UFPA não abre mão de continuar funcionando, com educação e ciência de qualidade, com ensino gratuito, com inclusão e respeito à diversidade, com o protagonismo que sempre teve no desenvolvimento do Pará e de toda a Amazônia.

Belém, 27 de maio de 2022.

Emmanuel Zagury Tourinho
Reitor

Faculdade de Pedagogia realiza forró junino

Em 2022 a expectativa pelas festas juninas está bastante alta, já que a pandemia impediu a realização desse tipo de evento por dois anos.

Pensando em aproximar a comunidade universitária, a Faculdade de Pedagogia está organizando o Forró PedSerra, que será realizado no dia 09 de junho, a partir das 16h, no estacionamento da UFPA/Jaderlândia. O evento também visa arrecadar fundos para as turmas de Pedagogia que estão próximas do período de formatura.

A programação contará com música, apresentação de grupos folclóricos, brincadeiras, desfile de miss, venda de comidas típicas e um bingo. Os interessados em adquirir a cartela, podem comprá-la nos seguintes locais: xerox do Vítor, salas de aula da Faculdade de Pedagogia e na secretaria da Faculdade. Para mais informações basta entrar em contato pelo whatsapp: 99816.1087.

Texto: Paula Lopes – Ascom UFPA/Castanhal

Arte: Luís Otávio – Ascom UFPA/Castanhal

Faculdade de Letras divulga cronograma de Processo Seletivo Simplificado para Professor Substituto de Língua Espanhola

A Faculdade de Letras da UFPA em Castanhal divulgou cronograma do Processo Seletivo Simplificado (PSS), que teve edital divulgado no dia 03 de maio de 2022, para preenchimento de 01 (uma) vaga para professor substituto na área temática Língua Espanhola. Clique aqui para acessar o cronograma. As inscrições foram realizadas exclusivamente via internet, através do site www.ceps.ufpa.br, entre os dias 09 e 19 de maio.

Para mais informações, consulte o edital.

 

Texto e arte: Ana Lima – Ascom UFPA/Castanhal